O sonho da casa própria ou o sonho de ter a casa do jeito que sempre imaginou é algo que remete a milhares de brasileiros, porém ter acesso a construção ou a reforma pode nem sempre ser algo fácil devido aos elevados custos, mas e se você tivesse uma linha de crédito para isso?

Acredito que isso faz toda a diferença. Hoje no mercado imobiliário financeiro existem alguns sistemas de crédito que podem ajudar e muito a conseguir alcançar tal sonho.

Neste artigo te apresentaremos algumas dessas possibilidades.

Além de sanar algumas dúvidas muito frequentes entre os solicitantes de crédito sobre a utilização do FGTS no Construcard.

O Fundo de garantia por tempo de trabalho ou como popularmente é chamado FGTS pode oferecer ao consumidor muitas possibilidades de utilização para se obter a casa própria, porém o que poucos sabem é que existe algumas restrições na utilização deste benefício.

O FGTS pode ser utilizado para construir um imóvel ou para a compra de um já pronto, mas veja bem, nós dissemos construir.

E por que enfatizamos a construção? Porquê diferente do que muitos pensam essa reserva em dinheiro não pode ser utilizada para a reforma de imóveis.

Sim, é isso mesmo, caso você tenha um imóvel já montado e deseja reformá-lo o

 não poderá ser utilizado para tal, isso porquê esse sistema assegura somente a construção ou a compra de novos imóveis

Mas existe no mercado outras opções de crédito para quem deseja reformar, o ConstruCard da Caixa é um deles e além disso ainda apresentaremos a vocês um outro sistema de financiamento de construção e reforma para que possam assim comparar e escolher qual o melhor segundo sua necessidade.

Pode usar o FGTS no Construcard?

ConstruCard Caixa Econômica Federal

O sistema de financiamento da Caixa conhecido como ConstruCard pode ser utilizado para a compra de materiais no intuito da realização de reformas ou construções.

O sistema trabalha com um prazo de até 240 meses para pagar e pode ser solicitado facilmente com base em uma análise de crédito em uma agência da Caixa.

O ConstruCard exige que o solicitante seja um correntista ativo e não negativado do banco além disso o cliente deve apresentar uma renda mensal fixa que deve ser igual ou superior a um salário mínimo por mês.

O cliente não pode possuir outros sistemas de empréstimo em aberto e indicações aos órgãos de proteção ao crédito.

O montante disponibilizado é creditado diretamente em conta, porém a utilização deste valor só é possível mediante o cartão ConstruCard que funciona como um sistema de débito.

Os materiais somente poderão ser comprados nas lojas conveniadas ao programa, mas hoje já existem mais de 85 mil lojas cadastradas a Caixa para atender a demanda dos clientes. (Confira as lojas cadastradas no programa.)

O pagamento de mão de obra como pedreiros e eletricistas não poderá ser realizado com o cartão do financiamento, visto que esse somente é direcionado para a compra de matérias de construção.

Além disso o FGTS também não poderá ser utilizado para o pagamento do programa, uma vez que ambos não possuem relações diretas.

Crédito para construção Lendico

Crédito para construção Lendico

Ainda pouco conhecido no mercado financeiro imobiliário o sistema de financiamento de reforma e construção Lendico trabalha com valores que podem variar de R$ 1.000 a R$ 50.000.

O prazo de pagamento é diversificado e pode ser solicitado em parcelas de 06 a 36 meses, de acordo com a necessidade e desejo do consumidor.

A análise de crédito bem como a simulação do empréstimo, poderão ser realizados por meio do link:

Para acessar a plataforma é necessário somente possuir um terminal com acesso à internet como tablet, computador, smartphone ou notebook e caso o pedido seja aprovado o valor será imediatamente creditado na conta cadastrada

Vale ressaltar que o valor somente será creditado no mesmo dia caso o pedido seja aprovado antes das 14:00 da tarde, isso é uma norma interna da financeira.

Taxas De Juros

As taxas de juros para o sistema de crédito Lendico são de 2,97% ao mês, enquanto a Caixa trabalha com as taxas de juros em 2,50% ao mês com o ConstruCard.

Mas apesar da diferença entre as taxas, é importante levar em conta que com a Lendico o cliente não precisa possuir uma conta aberta junto a instituição e poderá se manter junto a seu banco de origem.

Além disso o sistema de análise é muito mais simplificado e rápido, uma vez que tudo pode ser realizado de onde estiver sem precisar comparecer em uma agência física da credora.

O valor disponibilizado para esse sistema de crédito pode ser utilizado na compra de materiais para reforma e construção, além de poder ser utilizado para o pagamento de mão de obra.

Qual dos dois sistemas de financiamento devo escolher?

Para saber qual dos dois sistemas vale mais a pena, é possível realizar de forma online por meio dos respectivos sites da Caixa  e Lendico  uma simulação de crédito rápida e segura.

Por isso antes de se decidir, avalie as possibilidades e as condições de pagamento bem como os valores trabalhados por cada instituição.